terça-feira, 1 de julho de 2014

Projeto participa da Festa Junina da Feira de Economia Solidária

Aconteceu no último sábado, dia 28 de junho, no Centro de Comercialização da Agricultura Familiar de Cruz Alta, em frente à Escola Margarida Pardelhas, a Festa Junina da Feira de Economia Solidária, onde aproximadamente 300 pessoas passaram pelo evento.

A feira ocorreu pela manhã e contou com cerca de 40 feirantes que comercializaram produtos de empreendimentos da agricultura familiar como: frutos do mar, hortaliças, artesanato, cucas, bolos e mel, entre outros. Segundo uma das Coordenadoras da Feira, Ana Lima Ferreira, a atividade superou a expectativa da organização e dos feirantes, “Mesmo com chuva o público compareceu, se esquentando e se alegrando com o casamento caipira”, diz. 

Ela ainda conta que a feira contou com trabalhadores da cidade de Jóia, os quais possuem legalização para vender salames e queijos, “Esses novos feirantes conquistaram o registro após 5 anos de luta e isso mostra que as feiras estão estimulando a organização e o fortalecimento da agricultura familiar”, diz. 

A Assistente Social do Profissão Catador, Luciane Deicke, conta que o projeto esteve divulgando o seu trabalho na feira, “Todas as pessoas que passaram pelo evento puderam observar e acompanhar o nosso trabalho, contamos com um espaço bem estratégico para divulgarmos o projeto”, relata.

A iniciativa foi organizada pela Universidade de Cruz Alta, Projeto Profissão Catador Petrobras e Secretaria Nacional de Economia Solidária, Mitra Diocesana e Cáritas Brasileira e Prefeitura Municipal de Cruz Alta, através da Secretaria de Desenvolvimento Rural. Os clubes de mães ligados ao Gabinete da Primeira Dama também estiveram expondo seus produtos.

Os feirantes interessados em fazer as inscrições para as próximas feiras, de acordo com o calendário anual, podem procurar a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural em frente ao Margarida Pardelhas ou ainda obterem mais informações pelo telefone 33223218. 











       Fonte: Assessoria de Comunicação do Projeto Profissão Catador

Nenhum comentário :

Postar um comentário