segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Resíduos sólidos: Dividindo em classes


Os resíduos sólidos podem ser divididos em três classes, separadas de acordo com os riscos que eles apresentam ao meio ambiente: Classe I, os perigosos; Classe II, os não inertes; e classe III, os inertes.

Classe I (perigosos): são os que tem como características inflamabilidade, corrosividade, reatividade, toxidade e patogenicidade (ex: plásticos, minerais insolúveis-borras, metais, peças usadas);

Classe II (não inertes): são todos os que não se enquadram nas classificações I e II. Podem ter propriedades como combustibilidade, biodegradabilidade e solubilidade em água (por exemplo: lodos de estações de tratamento de água e esgoto, papel, restos de alimentos);

Classe III (inertes): são aqueles que, em contato com a água, não solubilizam qualquer de seus componentes (por exemplo: tijolos, rochas, vidros, certos plásticos, borrachas não decompostos prontamente; resíduos de limpeza da rede coletora, material sobrenadante e resíduos de tratamento preliminar).

Nenhum comentário :

Postar um comentário