terça-feira, 23 de outubro de 2012

Que árvore você quer para o futuro?


O DNIT –Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes em parceria com a Gestão Ambiental da BR-448 (STE – Serviços Técnicos de Engenharia S.A.) promove a exposição: “Que árvore você quer para o futuro? Não faça do lixo a semente”.
A exposição é composta por quatro árvores de ferro reciclado cobertas com lixo e aborda diferentes temáticas, além de 24 fotografias, que revelam as consequências da atitude do descarte irregular e propõe diversas “leituras”sobre uma consciência ambiental frente aos bens naturais do planeta. As imagens trazem também elementos inusitados coletados durante a captação das fotos que compõem as árvores.
Árvore "Mutação da Infância"
 
Árvore "Mundo Eletrônico"
 A exposição demonstra o envolvimento em ações socioambientais promovidas durante a contrução das obras de infraentrutura rodoviária e serve também para sensibilizar os colaboradores sobre o descarte correto de resíduos sólidos.
Fotografias revelam o descarte irregular
" Um alerta, uma chamada para a reflexão de um comportamento que tem tornado os cacostamentos e espaços laterais de nossas estradas em verdadeiros lixões, causando degradação, trazendo riscos e alterando a paisagem.
De um inocente papel de bala a um incendiário toco de cigarro capaz de causar uma tragédia, estamos semeando um bosque de lixo.
Pode parecer exagerado, mas não é. Na verdade, nada é inocente ou insignificante, nem o papel de bala que jogamos descompromissadamente pela janela de nosso carro, nem o corpo do animal morto que não damos o devido fim, nem o entulho que preferimos ignorar o destino.
Talvez sejamos ingênuos ao imaginar que tirar o lixo de nossos olhos fará com que ele desapareça, mas quando você voltar de sua viagem pela mesma estrada ou por outra, ele ainda vai estar lá.
Junto a todos os outros papéis de bala, às  pilhas de entulho, aos brinquedos velhos, pneus carecas, aos sapatos furados, às bolsas rasgadas, às latinhas e garrafas de bebidas, aos pacotes de salgadinho, aos restos de comida, ou talvez tenha queimado num incêndio iniciado pelo toco de cigarro.
Talvez, e como é crescente o consumo, o lixo não faltará, mas também não pode nos faltar consciência e reflexão.
Pense! Que paisagem você quer para o futuro? Que futuro você quer para o planeta?
Não faça do lixo a semente."
 
Exposição:
“Que árvore você quer para o futuro? Não Faça do lixo a semente.”
Idealização e produção: Gestão Ambiental da BR-448 /STE - Serviços Técnicos de Engenharia S.A.
Fotografia: Andrea Weschenfelder
Artista Plástico: Eduardo Nunes
Direção de Arte: Mário de Almeida/UBX-lab
Concepção Artística: Zé Augustho Marques
Colaboradores: Jovino Ribeiro,Mário Alves Severo, Marines Bião, Terezinha Bião e Thalia de Souza
Apoio:
Consórcio Queiroz Galvão, OAS, Brasília-Guaíba e Jornal Fala Brasil

Nenhum comentário :

Postar um comentário